Conectado com

Turminha da Paz

Jonas

Nesta edição, vamos conhecer a história de um pregador chamado Jonas. Você sabe o que é um pregador? É alguém que fala de Deus às outras pessoas, que anuncia para todos as coisas boas que Deus faz.

Como eu disse, Jonas era um pregador, ele viajava para onde Deus o pedia e anunciava a mensagem do Senhor para aquele povo.

Um dia, Deus pediu para Jonas ir até uma cidade chamada Nínive, falar para as pessoas que Deus não estava feliz com as atitudes que elas tinham, pois o modo como viviam não estava agradando a Deus, e por isso Ele queria destruir a cidade.

Mas Jonas não quis ir até Nínive e decidiu ir para o lado contrário, subiu em um barco e, junto com outros marinheiros, navegou para longe. Jonas pensava que Deus não saberia onde ele estava se estivesse escondido no barco. Mas Deus sabe e conhece todas as coisas, não é mesmo? O barco estava em alto mar quando começou um vento muito forte, uma tempestade. Os marinheiros ficaram preocupados se o barco iria afundar e jogaram as coisas que tinham no barco (algumas caixas e mantimentos) para fora do barco, mas nada ajudava. O capitão foi até Jonas e o encontrou dormindo no fundo do barco, bem tranquilo. Pediu para Jonas orar a Deus com a intenção que acalmasse a tempestade. Jonas logo entendeu que a tempestade estava acontecendo por sua culpa, afinal Jonas desobedeceu a Deus. Disse então, Jonas ao capitão: “Pode me lançar ao mar, pois eu sou o culpado de tudo isso estar acontecendo!” E jogaram Jonas ao mar; logo a tempestade parou.

Enquanto Jonas afundava no mar, sabe o que aconteceu? Deus fez com que um grande peixe o engolisse! Jonas foi parar dentro da barriga de um peixe!

E lá ficou por 3 dias e 3 noites. Jonas percebeu como era importante ser obediente ao que Deus pede e fez uma oração lá de dentro da barriga do peixe, pedindo perdão. Deus o escutou e o grande peixe cuspiu Jonas em terra seca.

Agora sim, Jonas foi para Nínive e anunciou o que Deus lhe havia pedido.

O povo de Nínive se entristeceu com o que ouviram: fizeram jejuns, vestiram roupas mais simples e suplicaram a misericórdia de Deus. Por causa das atitudes do povo, Deus viu que havia bondade em seus corações e decidiu não destruir mais a cidade.

E nós aprendemos como é importante escutar a Deus e ser obediente à Sua Palavra. Não adianta tentar fugir, pois o Senhor conhece tudo que está no nosso coração. O melhor é sermos sinceros e honestos com Ele.

Turminha da Paz
Jéssika Aline Luft - Professora do Colégio Cristo Rei

Continuar Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Turminha da Paz

  • Turminha da Paz

    O pastorzinho e suas ovelhas

    Por

    Uma das coisas mais lindas em Jesus é que Ele nos ensina que somos todos muito...

  • Turminha da Paz

    Jesus nos ensina a orar

    Por

    Certa vez, os discípulos de Jesus estavam curiosos e queriam saber como o Mestre conversava com...

  • Turminha da Paz

    A justiça faz bem

    Por

    Na história desta edição, vamos conhecer uma atitude muito bonita de Jesus, mas que nos faz...

  • Turminha da Paz

    Jesus é batizado

    Por

    Nós já conhecemos como Jesus nasceu, você se lembra? Uma linda história que ensinou sobre o...

  • Turminha da Paz

    O primeiro Natal

    Por

    Você já percebeu que no final do ano as pessoas são mais alegres, amorosas? As famílias...

Para o Topo