Conectado com

Por que será que o choro vem, se o fardo é de algodão?

Letra de Mulher

Por que será que o choro vem, se o fardo é de algodão?

Parece controverso que Jesus tenha dito que “no mundo tereis aflições” e também tenha afirmado que “o meu fardo é leve”.

O título deste artigo, que é um trecho da música “Paraíso”, de Hélvio Sodré, nos confronta com essas verdades. Se o fardo é leve, porque temos tanta dificuldade de administrar as nossas emoções?

Será que conseguimos aprender a não sofrer, se até Jesus sofreu? Jesus chorou (Jo 11.35), ficou triste (Mc 3.5), irou-se (Mt 21.12), teve compaixão (Mt 9.36), sentiu tristeza e angústia (Mt 26.37), exultou de alegria (Lc 10.21) e sentiu agonia (Lc 22.44). Isaías 53.3 o chama de “homem de dores, que sabe o que é sofrer”. Esses são apenas alguns exemplos de que Jesus sentiu emoções enquanto ser humano.

Só o fato de sabermos disso já torna o nosso sofrimento um pouco mais leve, não porque isso diminua o tamanho da nossa dor, medo ou raiva, mas por saber que não precisamos reprimir as nossas emoções, e sim, apresentar tudo ao Pai, como fez Ana (I Sm 1.15), Davi (Sl 55.2) ou como recomendou Pedro (I Pe 5.7), correndo para Ele quando as emoções quiserem nos dominar.

Paulo diz aos Efésios 4.26: “Irai-vos e não pequeis”, ou seja, a indignação e a ira podem até nos atingir, mas não podemos reagir a elas de forma que desobedeçamos a Palavra de Deus.

O problema não está no sofrimento ou na emoção que sentimos, mas das atitudes que decorrem disso.

A Bíblia nos recomenda a chorar com os que choram e alegrar-nos com os que se alegram, a nos indignarmos com a injustiça, a nos entristecermos com o pecado, a não nos conformarmos com este século. No entanto, devemos viver todas essas emoções em oração, de modo que não sejamos controlados pelos nossos sentimentos e para que não esqueçamos da esperança que temos na cruz de Jesus.

Mesmo quando olharmos para situações em nossa vida que nos façam pensar que nada faz sentido, precisamos entender que a obra de Deus é grandiosa demais para o nosso pequeno entendimento, e que não temos capacidade cognitiva suficiente para compreender as razões do sofrimento humano.

Temos algumas previsões certeiras em nossa vida terrena: teremos dias muito bons; teremos dias muito maus; e teremos Deus em todos eles. Por isso, quando Jesus disse: “Vinde a mim, todos vós que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei”, Ele está nos prometendo carregar o nosso fardo, se o deixarmos a Seus pés. Ele levou sobre si as nossas doenças, nossas dores e nossos pecados. Ele já conhece o peso.

Melhor do que saber disso, é ter a certeza de que “os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles” (II Co 4.17), porque Ele já venceu o mundo.

Letra de Mulher
Carla Schumann Nogueira

Continuar Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Letra de Mulher

  • Letra de Mulher

    Quanto tempo o tempo tem?

    Por

    Há alguns meses, fiz um curso de Finanças à luz da Bíblia. Um dos exercícios consistia...

  • Letra de Mulher

    Abençoada demais para reclamar

    Por

    – Estou com muita dor de cabeça. – vítima 1 – Eu também, mas pudera, passei...

  • Letra de Mulher

    Agora chega!

    Por

    Quantas vezes você já proferiu essa sentença? – Quando olhou no espelho e viu que não...

  • Letra de Mulher

    50% de ódio e 50% de tremedeira

    Por

    Temos uma cachorrinha que se chama Meg. Nós a compramos quando meu filho tinha 9 anos...

  • Letra de Mulher

    O tamanho do problema

    Por

    Quando passamos por alguma adversidade simples de resolver, costumamos dizer que tivemos um “probleminha”. Quando a...

Artigos Populares

Esporte, Saúde e Qualidade de Vida

Mãe que pedala…

Papo de Homem

Pessoa poderosa

Turminha da Paz

Isabel e Zacarias

Para o Topo