Conectado com

Valorizando o que temos

Semeando a Palavra

Valorizando o que temos

Certo dia, o dono de um pequeno comércio abordou na rua seu amigo, o poeta Olavo Bilac e lhe disse:

– Sr. Bilac, estou precisando vender meu sítio, que o senhor tão bem conhece. Será que poderia redigir para mim um anúncio para o jornal?      Olavo Bilac apanhou lápis e papel, fez um texto escrevendo: “Vende-se encantadora propriedade, onde cantam os pássaros ao amanhecer no extenso arvoredo, cortado por cristalinas e plácidas águas de um lindo ribeirão. A casa, banhada pelo sol nascente, oferece a sombra tranquila das tardes nas varandas”.

Alguns meses depois, o poeta encontrou-se com o comerciante e perguntou se ele já havia vendido o sítio:

– Nem pensei mais nisso – disse o homem. – Depois que li o anúncio é que percebi a maravilha, o tesouro que tinha!

Às vezes, não percebemos as coisas boas que temos conosco e vamos longe atrás da miragem de falsos tesouros. E não damos o devido valor aos grandes tesouros que temos nesta vida, olhando os que estão ao nosso redor e os “invejando”.

Pessoas fazem de sua vida uma eterna lamentação por achar não conseguir se dar bem na vida; esquecendo que há valores que não se compra com dinheiro.

Um deles é o caráter: levaremos à sepultura nosso bom nome, mas também seremos lembrados pelo mau-caratismo.

Outro bem é os amigos; fomos criados para viver em comunhão. Estar próximo a pessoas que choram com a gente, que se alegram com a gente.

Outro bem é a saúde; quem a tem, deve valorizar cuidando com muito zelo. Nosso corpo é o Templo do Espírito Santo, portanto cuidar dele é um dever.

Outro bem é a família; esse eu chamaria de maior riqueza. É o grande investimento Divino para abençoar as Nações. Famílias fortes, sociedade forte; família sadia, Igreja sadia.

Note que o nosso inimigo tenta nos fazer desviar de todos esses valores que não se compra com dinheiro, e nos levar a viver uma dependência do: preciso ter.

Isso se reflete nas famílias, pois nunca, nunca vimos tanto ataque às famílias como nestes tempos; até mesmo nossas autoridades hoje, criam meios para deteriorarem as famílias; a imoralidade tão presente; o grande crescimento das separações, etc.

Se pensar só um pouquinho, veremos que somos mais que milionários. Que tenhamos isso em mente e no coração – Nossa família é nossa maior riqueza!

 

 

Semeando a Palavra
Pastor Vicente Mariano - Assembleia de Deus MCR

Continuar Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Semeando a Palavra

  • Semeando a Palavra

    Aquele irmão

    Por

    “E com ele enviamos aquele irmão cujo louvor no Evangelho está espalhado em todas as igrejas....

  • Semeando a Palavra

    Dinheiro!

    Por

    O dinheiro é o maior causador de problemas do mundo. Nenhum assunto produz tantas brigas familiares...

  • Semeando a Palavra

    Lágrimas… PARTE 2

    Por

    Dando continuidade ao texto publicado na edição anterior da Revista Paz, aprenderemos mais algumas verdades de...

  • Semeando a Palavra

    Lágrimas… (PARTE 1)

    Por

    O Salmo 56:8, nas palavras destas duas versões Bíblicas, nos mostra algo muito interessante sobre as...

  • Semeando a Palavra

    O que Cristo sofreu por nós – Parte 2

    Por

    Continuemos, então, o texto publicado ontem: No mesmo instante, o seu Police, com um movimento violento...

Para o Topo