Conectado com

Atitudes do Supremo Pastor Lucas 15:1-7

Semeando a Palavra

Atitudes do Supremo Pastor Lucas 15:1-7

Somos ovelhas do rebanho do Senhor Jesus; no texto citado, conta uma “estória”, uma parábola, de um pastor que tendo 100 ovelhas, uma delas se perdeu e houve um empenho da parte dele em resgatá-la. Esse cuidado representa o que Jesus fez ou faz com cada um de nós. Também mostra o que se espera de um pastor.

Vou mostrar a luz desta “estória” algumas atitudes deste pastor, que servirá de exemplo aos atuais líderes, e também o valor que temos aos olhos de nosso Supremo Pastor, como ovelhas de seu rebanho.

 

O PASTOR USOU O CORAÇÃO

Se fosse um pastor sem coração, insensível, diria: – “Já tenho 99 ovelhas seguras no aprisco…uma a mais, uma a menos, não faz diferença”; mas, isto não ocorreu; porque aquele pastor tinha coração. Coração este cheio de compaixão, que o inquietou, que o comoveu, que o moveu em busca da ovelha perdida.

É surpreendente o número de pastores sem coração nos dias de hoje: insensíveis, homens amantes de si mesmos, que deram lugar aos seus interesses, em detrimento à dor e abandono das ovelhas.

 

O PASTOR USOU OS PÉS

Aquele amado pastor não ficou estático em seu lugar de conforto. Ao contar as ovelhas e ao dar conta que a centésima tinha se desgarrado do rebanho, mais que depressa, saiu correndo a procurá-la.

Que nossos pés jamais corram para o mal; mas, corram em busca das almas perdidas e feridas que clamam por ajuda. A Bíblia declara que são “formosos os pés dos que anunciam boas novas” (Is 52:7).

 

O PASTOR USOU OS OLHOS

Imaginai a cena maravilhosa: o dolente pastor levantando seus olhos, e com muita diligência busca sua querida ovelha.

Isso fala espiritualmente da nossa disposição, diligência e atenção a cada ovelha do Senhor. Pastores espiritualmente cegos não repousam seus olhos nas feridas das ovelhas machucadas.

 

O PASTOR USOU OS OUVIDOS

Peregrinando por valados e montes. Descendo e subindo as montanhas escarpadas, segue o amoroso pastor com seus ouvidos bem atentos. Todo e qualquer ruído o faz parar e procurar sua querida ovelha… ao ouvir o gemido de sua ovelha, volta-se depressa em direção a ela. Oh, Senhor! Sara os nossos ouvidos espirituais para que ouçamos o clamor dos perdidos e o gemido do que se desgarrou.

 

O PASTOR USOU O CAJADO

Ao ver sua ovelha ferida e sabendo da dificuldade de resgatá-la, o diligente pastor estende com sua mão seu cajado, até envolvê-la e trazê-la para cima. O cajado fala da preciosa Palavra de Deus – que tem poder de resgatar, soerguer e salvar. Faltam pastores hoje da Palavra. Muitos já perderam o cajado e, portanto, perderam o instrumento divino que tem poder para trazer vida e resgate.

 

O PASTOR USOU OS OMBROS

Lucas 15:5 nos declara que ao encontrar a ovelha perdida, o pastor a põe sobre os seus ombros. Deus quer usar nossos ombros, queridos colegas pastores. Ombros de misericórdia, de afeto e compaixão.

Quantas ovelhas dizem: “Não encontrei nenhum ombro amigo”. Certamente os ombros daquele pastor eram ombros de amor e compaixão; pois o texto bíblico ternamente nos diz: “ao encontrá-la, a põe nos ombros gostosos”.

Semeando a Palavra
Pastor Vicente Mariano - Assembleia de Deus MCR

Continuar Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Semeando a Palavra

Artigos Populares

Para o Topo