Conectado com

Pilares da Vida Cristã

Semeando a Palavra

Pilares da Vida Cristã

A conduta do cristão se desenvolverá em plena harmonia com a Palavra de Deus e a Sua vontade, desde que sua vida seja verdadeiro testemunho daquilo que ele diz. Os traços que evidenciam uma vida cristã genuína podem ser descritos como os pilares da vida cristã, quais sejam: FÉ, ESPERANÇA e AMOR.

* FÉ: é a capacidade para ver o invisível: Hb 11:01. É um princípio de relação com Deus. É fator preponderante na consciência do homem. Podemos descrever fé sob três aspectos: universal, é aquela que até os demônios têm; para salvação, é a que se deve ter para alcançar essa benção de Deus (Ef. 2:8-9); e fé como dom, que é aquela especial para ordenar até aos mortos levantar e o milagre acontecer. A fé não é intelectual, hereditária, comunitária ou sacramental; ela é o elemento que opera naqueles que alcançaram o milagre da regeneração, e confia absolutamente em Deus.

* ESPERANÇA: é a capacidade de aguardar confiante nas promessas de Deus (Fp 1:20). O mundo não tem esperança, mas acredita que tudo se acaba nesta vida. Os homens não têm esperança e alguns acham que viver é só gozar os prazeres carnais, ou possuir grandes fortunas. O crente em Cristo Jesus tem esperança na vida eterna com seu Rei. Haverá uma ressurreição, um arrebatamento, e num piscar de olhos, estaremos sempre com o Senhor. Os mais belos túmulos terão que se abrir para devolver os santos que dormem no Senhor. “Toda lágrima Ele enxugará”

* AMOR: não se tem uma definição exata sobre o amor. Esta palavra não pode ser calculada ou medida pela razão, mas podemos recebê-lo através da fé. Sábios e poetas nada puderam fazer pela definição da palavra Amor. A explicação que João nos dá é a seguinte: “Deus amou o mundo de tal maneira…”; podemos então dizer que o amor é a maior virtude do cristianismo. O apóstolo João disse que “aquele que não ama, não conhece a Deus, porque Deus é amor”.

O amor é eterno, o inimigo não consegue destruí-lo; o amor nunca falha ( I Cor. 13:08). O amor de Deus é a mais alta e pura forma de amor, a ponto de a Bíblia dizer: “Deus é amor”. O amor consiste em termos pelos outros a mesma preocupação que temos por nós mesmos. É fácil esforçar-se pelo nosso bem-estar próprio, mas devemos exercer o amor em favor dos nossos semelhantes. O amor não é uma opção, é um mandamento de Jesus (João 15:12); devemos crer, ter fé , mas acima de tudo, amar. Crer em Jesus como único Salvador, esperar a bendita e gloriosa vinda de Cristo, e amar uns aos outros. Quem crê, ama; quem ama, espera; e quem espera, se prepara.

Que Deus lhe abençoe em Cristo Jesus.

Semeando a Palavra
Pastor Vicente Mariano - Assembleia de Deus MCR

Continuar Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Semeando a Palavra

  • Semeando a Palavra

    Servir

    Por

    “Pois qual é maior: quem está à mesa ou quem serve… porventura, não é quem está...

  • Semeando a Palavra

    A bênção da União

    Por

    Em nenhum texto da Bíblia Sagrada encontramos que devemos viver ilhados. Pelo contrário, a Santa Escritura...

  • Semeando a Palavra

    O Maravilhoso Nome de Jesus – Parte 2

    Por

    Reconheço que o Nome de Jesus Cristo, nosso Senhor, é Maravilhoso, porque está acima de todos...

  • Semeando a Palavra

    O Maravilhoso Nome de Jesus – Parte 1

    Por

    Prezados leitores! Nesta edição, quero falar de alguém muito especial: Jesus Cristo, nosso Maravilhoso Senhor. Seu...

  • Semeando a Palavra

    Resposta de Deus a Seus filhos

    Por

    Por que quando pedimos mais PACIÊNCIA, nos vem mais tribulação? Resposta Divina: Porque somente pela tribulação...

Para o Topo